Arquivo da categoria: F1

Todos os campeões em cinco minutos

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Antti Kalhola é um gênio dos vídeos de automobilismo. Já postei alguns deles, sendo que o último teve como estrela maior Sébastien Loeb. Mas o jovem finlandês entende do riscado também quando o assunto é F1. Na sua última produção, divulgada nesta sexta-feira, Antti colocou todos os campeões mundiais desde 1950 até o ano passado, tudo em um espaço de pouco mais de cinco minutos. As imagens são espetaculares. Recomendo muito!

Tags: , , , , , | 3 Comentários

Sinal de alerta

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

O tom das linhas mal traçadas a seguir pode até soar alarmista para alguns, mas, na minha visão, apenas traduz a realidade. Os últimos acontecimentos em São Paulo, mais precisamente na região metropolitana que engloba a capital paulista, indicam que há um estado não-declarado de guerra civil. Os números não mentem.

São inúmeras as mortes nos últimos meses. As estatísticas quanto aos homicídios apenas crescem. Segundo estudo do Estado de S. Paulo, pelo menos 154 pessoas foram mortas a tiros entre 24 de outubro e a última segunda-feira. Contudo, o governador daqui, Geraldo Alckimin, dizer que está “tudo sob controle”. Não, Sr. Governador, não está.

Faltam pouco mais de dez dias para o GP do Brasil de F1, o principal evento esportivo do ano no Brasil. Às vésperas da última etapa da temporada e restando menos de dois anos para a Copa do Mundo, parece evidente que haverá uma força-tarefa policial no próximo fim de semana, em Interlagos. Tudo para garantir a segurança de quem estará presente em São Paulo, e, também, para passar a imagem de um país seguro. Imagem esta que anda muito arranhada lá fora, pelo que se pode perceber da repercussão que essa última onda de violência ganhou mundo afora.

Tensão antecedeu o GP do Bahrein de F1

Tão grave situação me fez lembrar do que aconteceu sete meses atrás. Entre o fim de março e começo de abril, muito se falou sobre um possível cancelamento do GP do Bahrein, prova que foi cancelada no ano passado por motivos de (falta de) segurança. O Grande Prêmio fez uma baita cobertura sobre o assunto. O clima de tensão ainda pairava no ar em 2012, um ano depois de o movimento chamado de Primavera Árabe explodir. Protestos entre movimentos populares contra o regime totalitário do rei Hamad bin Salman Al-Khalifa davam o tom.

Até dias antes do embarque do material das equipes da F1 da China para o país insular, havia muita incerteza quanto à realização da prova. Emissoras de TV da Finlândia, Alemanha e Japão se recusaram a embarcar rumo ao Oriente Médio.

Entretanto, apesar da tensão e do medo de algumas equipes e pilotos — a Force India, por exemplo, não participou de parte das atividades de sexta-feira —, Bernie Ecclestone bateu o pé. A corrida foi realizada no circuito de Sakhir e não houve nenhum grande problema. O único fato relevante e digno de note foi que o Bahrein presenciou a primeira vitória na temporada do homem que pode ser campeão do mundo neste fim de semana, Sebastian Vettel.

Às vésperas do GP do Brasil, São Paulo vive onda de violência

De volta ao assunto São Paulo. Embora a maioria dos pilotos diga que ama o Brasil e que adora o ambiente hospitaleiro que existe neste país tropical, outros tantos não escondem o receio com a violência estabelecida por aqui. Apenas para recordar casos recentes, Jenson Button sofreu uma tentativa de assalto, em 2010, mesmo ano em que uma van que transportava membros da Sauber foi interceptada por ladrões próximos à saída de Interlagos.

Se naquela época não havia essa onda de violência como existe agora e o clima já era de tensão, o que dizer dos dias atuais?

Obviamente, o GP do Brasil deve e vai acontecer. Até onde eu sei, não há nenhuma ameaça de boicote de jornalistas quanto à viagem para São Paulo. O mesmo se pode dizer em relação aos pilotos e membros das equipes. Tal postura é alentadora e indica confiança na segurança do país, mas não basta. Por conta de todo o contexto atual e o número absurdo de mortes em tão curto espaço de tempo, chego a duas conclusões inevitáveis: São Paulo vive um momento tão ou mais tenso que o Bahrein na época da F1 por lá; e, na minha visão, não parece nenhum exagero dizer que o GP do Brasil de 2012 parece ter virado um evento de alto risco. Mas quero e espero estar errado. Espero que São Paulo tenha, de verdade, a violência sob controle, algo que, por enquanto, não passa de ilusão.

Tags: , , , , , , , | Deixe um comentário

Taj Mahal

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Cheio de moral, de contrato renovado e em grande fase, Felipe Massa já está na Índia para a disputa da 17ª etapa do Mundial de F1. Mas antes de chegar ao circuito de Buddh, Felipe visitou o lendário Taj Mahal, um dos Patrimônios da Humanidade da Unesco e uma das Sete Novas Maravilhas do Mundo — lista que inclui o Cristo Redentor. “Ir à Índia e não conhecer Taj Mahal é como ir a Roma e não ver o Papa”, diria Renan do Couto.

Muitos apontam o Tah Mahal como a mais bela expressão de amor de todos os tempos, quando o príncipe Shah Jahan construiu o templo em memória da sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam. Massa, que também vive uma relação de amor com a Ferrari, postou a foto há pouco no Twitter.

Para contar melhor a história do fabuloso Taj Mahal, nada melhor que a música eternizada pelo mítico Jorge Ben Jor!

Tags: , , , , , , , , | Deixe um comentário

O adeus de duas lendas

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Querido por todos no paddock, Peter Sauber está se despedindo da F1. O mitológico dirigente suíço, que já revelou tantos nomes de sucesso no automobilismo — só pra lembrar: Michael Schumacher, Karl Wendlinger, Heinz-Harald Frentzen, Felipe Massa, Kimi Räikkönen, Sergio Pérez — comemorou seus 69 anos, no último sábado (13), em Yeongam, com a sensação de dever cumprido.

Fiz uma entrevista com Peter no fim da temporada passada, em Interlagos. Certamente, uma das que mais guardo com carinho. Sujeito de fino trato e bastante cordial, ele me atendeu de maneira extremamente solícita e sempre com um sorriso no rosto. Lembro que ele disse que estava muito feliz com sua dupla de pilotos (Pérez e Kamui Kobayashi), Sauber previu uma melhora significativa para 2012 e muitos pontos para sua equipe. E, mais uma vez, ele estava certo.

Em uma foto emblemática, divulgada pela assessoria da escuderia helvética, o velho e bom Sauber, que agora passou o bastão para a competente Monisha Kaltenborn, recebe o abraço da sua maior revelação, Schumacher, que também dará adeus à F1 em 2012.

Definitivamente, o esporte sentirá a falta desses dois.

Assim como Peter Sauber, Michael Schumacher deixará a F1 no fim do ano (Foto: Sauber)

Tags: , , , , , , , | 1 Comentário

O encantador Parco di Monza

Assim como Spa-Francorchamps, Monza também é considerada uma das pistas mais importantes, tradicionais e recheada de história na F1. Um circuito mítico que dificilmente deixará o calendário. E é realmente encantador.

O Autodromo Nazionale di Monza fica dentro de um enorme parque, ao norte da pequena cidade de Monza, na região da Lombardia, próxima a Milão, e que possui cerca de 120 mil habitantes. Passando ao lado dos famosos muros que circundam esse parque nem dá para perceber que ali dentro tem uma pista de corrida, e uma das mais velozes da F1, em meio arvores e aos espaços de enormes gramados, onde existem lanchonetes, cervejas e muito panini.

A cidade, evidentemente, respira o clima da F1 em setembro, quando tradicionalmente a corrida acontece. O tempo, segundo os locais, é sempre quente e os dias são ensolarados e longos. E são bandeiras da Ferrari por todo lado, referências diversas a Gilles Villeneuve e a Michael Schumacher, principalmente, motos e scooters vermelhas que se misturam ao povo que caminha tranquilamente pelas ruas de pedra da cidade. Talvez não haja um ambiente tão mágico em todo o calendário. E a cidade é invadida por italianos de todos os lados, mas também por torcedores de toda a parte da Europa.

É aqui onde se invade a pista. É aqui onde se pode caminhar tranquilamente pelo circuito na quinta, na sexta ou até no sábado. Alguns passam até a noite espalhados pelo parque. Há trailers, mas não campings, como em Spa. Os bares ao redor do parque também lotam à noite.

Para se chegar à pista, precisa antes atravessar o parque. De carro ou a pé. Eu recomendo a pé. O lugar é gigantesco, é verdade, mas o caminho é divertido e vale a pena, se você prestar um pouco de atenção ao modo de vida dos italianos, dos torcedores, dos tifosi e entrar no clima deles. Que caminham falando alto, bradando contra os rivais da Ferrari na pista, fazendo previsões e tentando achar o melhor lugar para acompanhar a corrida e depois entrar na pista. Dá até vontade de buscar um lugarzinho entre eles e acompanhar tudo do lado de fora do organizado Paddock da F1.

Tags: , , , | Deixe um comentário

O dono da macarronada, parte 2

Outro ponto bastante eternamente destacado por Montezemolo foi sobre os custos da F1 e o futuro da categoria. Como presidente de uma das maiores e mais tradicionais equipes do grid, o italiano voltou a bater na tecla do desenvolvimento tecnológico, que segundo ele é o DNA da F1 e algo que a categoria não pode abrir mão no futuro. Mas fez algumas ressalvas e uma comparação interessante. Ele disse que hoje, com todo o peso da aerodinâmica nos carros, a F1 não trabalha mais para melhorar os carros de passeio, o que é a ideia original da competição. Hoje, a categoria desenvolve mais recursos para aviação do que para as ruas.

Por isso, Montezemolo defende uma renovação nos regulamentos, sem esquecer os custos. Ele prefere regulamentos mais simples e claros, mas que privilegiem a tecnologia e que levem melhorias reais para os carros de rua.

Ainda nesse assunto, o italiano falou que não dá mais para ficar trabalhando 24 horas no túnel de vento só para testar uma asa, que, para o grande público, não vai fazer nenhuma diferença. Para Montezemolo, chegou o momento de a F1 parar e repensar seus conceitos para continuar sendo viável. E descartou completamente a presença da Ferrari na F1, se a categoria virar uma categoria de carros elétricos, como tanto quer Jean Todt.

Sobre o público, Montezemolo também lançou uma crítica interessante. Para ele, as pessoas estão deixando de acompanhar a F1 porque ela está cada vez mais distante da realidade. E agora é hora de, talvez, adotar diferentes formatos de corridas. O dirigente até sugeriu corridas mais curtas ou a adoção de sistema de rodadas duplas.

É, não deixa de ser interessante de ver o posicionamento de Montezemolo, ainda mais vindo de alguém que comanda um dos times mais conservadores da F1.

E você, leitor, acha que Montezemolo tem razão? Acha que a F1 realmente deve deixar o conservadorismo de lado e pensar mais no público e em menos grana para bancar o show?

Tags: , , , | 5 Comentários

O dono da macarronada, parte 1

A entrevista de Luca di Montezemolo em Monza neste sábado foi bastante disputada, claro, e também bastante interessante, por tudo que ele representa para a F1 e para a própria Ferrari. Foi legal também ver de perto o chefão e como ele lida com a imprensa, especialmente a italiana. O comandante da Ferrari falou sobre tudo: Massa, Alonso, FIA, regulamentos, criticou, reclamou e falou sobre o futuro da F1 e da própria Ferrari.

Sobre Massa, que foi a primeira pergunta, o presidente não se esquivou e disse que a equipe vai avaliar com cuidado o futuro do brasileiro e de qualquer outro que venha a ocupar a vaga dele eventualmente. “Estamos pensando em 2014”, disse, também. O italiano, que chegou atrasado e fazendo brincadeiras à entrevista, deixou claro que o que a Ferrari quer é um piloto muito mais competitivo, capaz de somar pontos em todas as corridas, em um desempenho semelhante ao de Alonso, evidentemente. Mas não que venha a incomodar a posição privilegiada que o espanhol ocupa dentro do time.

Monte falou em grande chance de Massa, que larga em terceiro neste domingo, mas disse que mesmo uma vitória amanhã não vai garantir o piloto no time. E aí surgiu o sinal de alerta de vez. É, a situação de Massa está bem mais complicada na Ferrari. As duas últimas temporadas tem sido decisivas para a escolha da equipe, que, segundo Montezemolo, não vai demorar muito para definir quem será o companheiro de Alonso em 2013. É claro que o triunfo amanhã, diante da torcida italiana, contará muito a favor de Felipe, mas será o suficiente para convencer a cúpula da equipe? Talvez Felipe precise de mais de uma vitória para ficar, pelo andar da carruagem.

Ainda durante a entrevista, e o que mostrou o quanto a Ferrari espera por um bom resultado de Massa, Montezemolo enfatizou e quase chegou a gritar: “Felipe tem uma grande chance de vencer amanhã. E a vitória significaria muito para nós, para a Ferrari e, principalmente, para o futuro dele.”

Agora é esperar, mas não muito. O time não deve esperar dezembro chegar para acertar, segundo o dirigente. E se Felipe sair, quem é o melhor para o lugar dele, principalmente dentro do que a Ferrari deseja de um novo parceiro para Alonso?

Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Futuro, futuro

EVELYN GUIMARAES [@eveguimaraes]
de Monza

Futuro. Essa foi a palavra mais usada pelos jornalistas nesta quinta-feira (6) em Monza. Na tradicional coletiva de imprensa da FIA, Lewis Hamilton e Felipe Massa foram os mais questionados, evidentemente. Ambos estão sem contrato para 2013, mas vivem situações bastante diferentes e, até por isso, as reações quando perguntados com relação ao futuro são distintas.

Felipe atravessa aquele período irritante de incerteza. Ele quer a Ferrari, é a equipe que lhe deu a oportunidade de disputar um título mundial, é onde se sente à vontade, mas também é onde tem o pior companheiro de equipe possível. O pior aí é no sentido de competitivo mesmo, de forte. Fernando Alonso não é fácil e sempre foi uma pedra no sapato de todos os seus parceiros de time até agora. A comparação com o bicampeão também deve ser difícil de lidar.

O desejo de Massa é que, ao menos, a decisão não demore. Boa ou ruim. O brasileiro quer logo, e com razão, definir a equipe que vai defender em 2012. O danado chefe Victor Martins aponta aqui um possível caminho para Felipe. E pode ser mesmo, diante do redemoinho que virou o mercado de pilotos, especialmente depois de Eddie Jordan cravar as negociações entre Hamilton e a Mercedes.

Mas Felipe, acostumado que está, se mostrou tranquilo na coletiva com as perguntas sobre seu futuro. Foi direto, como tem sido sempre. “Não há nada assinado ainda”. Não demonstrou qualquer irritação. Já sabe bem como a banda toca por aqui. Mas disse que precisa de resultados. Reiterou, aliás, o que havia dito semana passada aos jornalistas brasileiros. São os resultados, no fim das contas, que vão garanti-lo na Ferrari, assim como deseja. Não tem muito segredo. Por isso, talvez, a indiferença com relação às insistentes perguntas.

Já Hamilton levantou com o pé esquerdo hoje. Estava com cara de poucos amigos na coletiva. Quase nem interagiu com os colegas, apesar da insistência de Alonso em puxar um papinho entre uma pergunta e outra.  E Lewis, já bastante escaldado de polêmica neste ano, preferiu respostas lacônicas, meio à Raikkonen. Mas sem a parte engraçada.

Hamilton não quis saber de falar de rumores e nem do episódio do Twitter da semana passada. Disse apenas que não sabe onde vai correr em 2013 e que, neste momento, seus empresários estão negociando com a McLaren. É claro que Lewis anda irritado e inquieto. E o lance do Twitter em Spa foi só mais uma prova disso. A vida pessoal é quase sempre estampada nos jornais, Jenson Button, desde que chegou à equipe, ganhou grande espaço e respeito e por aí vai. Assim como Massa, o inglês também deseja uma definição rápida.

Mas, do mesmo jeito da semana passada, será que uma mudança também não faria bem para Hamilton nesta altura da carreira? E que equipe, no grid, suportaria a vida/celebridade que o piloto leva? Aí é com vocês, leitores do BloGP, o que acham que Lewis deveria fazer?

Pessoalmente, eu acho que ele não deixa a McLaren, pela plena certeza de que a equipe é a única que pode conduzi-lo a um segundo título.

Tags: , , , , | 1 Comentário

Como nos velhos tempos

EVELYN GUIMARAES [@eveguimaraes]
de Spa-Francorchamps

É bem verdade que a Bélgica não vive a F1 neste final de semana. O país, na verdade, segue sua vida simpática e tranquila sem a menor preocupação com a chegada da categoria de monopostos mais famosa do mundo. É somente quando se chega à pista é que se percebe que ali, sim, haverá uma competição de carros de corrida. Mas nada além disso.

Um trânsito um pouco mais intenso (nada, claro, comparado ao que se encontra em São Paulo, por exemplo, em dia de um simples jogo de futebol), mas que os policiais driblam sem a menor tensão ou nervosismo. São atenciosos com todos, credenciados, perdidos ou apenas atrás de um estacionamento para largar o carro. O fluxo segue lento, mas sem pressa, sem buzina, cada um esperando sua vez. Chega a ser inacreditável para quem está acostumado com o trafego frenético de muitas cidades brasileiras. E parece ainda mais inacreditável que tudo isso funcione perfeitamente, sem reclamação ou protesto de todas as partes.

Encravado entre as cidades de Francorchamps, Malmédy e Stavelot, o circuito vive intensamente o GP, não há dúvidas. São inúmeros albergues e pequenos hotéis ao longo das estradas apertadas, que à noite ganham vida, com festas ao ar livre, barraquinhas com todo tipo de comida e gente de todo lugar, numa guerra de baladas, que vai desde Michel Teló (sim, está em todo lugar) até Kiss. Impressionante. E difícil de imaginar uma coisa assim na Avenida Interlagos…

Além das hospedagens mais tradicionais, o entorno do traçado belga, considerado por muitos um dos mais bonitos e desafiadores da F1, é dominado por campings, o que dá um ar nostálgico dos anos 70 e 80. Mas o fato é que o pessoal curte mesmo. A corrida é só o pretexto, ao que aparece. Aqui também existem os esquemas normais de arquibancada, como em qualquer país, com setores determinados e tudo mais, mas também existe um bilhete que permite ao torcedor escolher o ‘morro’ que quer ficar. O torcedor pode caminhar por diversas partes do circuito até achar o melhor lugar para o churrasco e para acompanhar a corrida. É impossível não comparar com o Brasil. E o mais triste é pensar que isso é impossível no Brasil.

Tags: , , , | 2 Comentários

Massa e a Ferrari

EVELYN GUIMARAES [@eveguimaraes]
de Spa-Francorchamps

Ontem, quinta-feira e sem atividades de pista, foi um dia basicamente de entrevistas aqui em Spa-Francorchamps. Fernando Alonso, Kimi Raikkonen, Sebastian Vettel, Mark Webber e Lewis Hamilton foram os pilotos mais disputados pelos jornalistas. E as perguntas praticamente se concentraram na briga pelo campeonato.

Raikkonen, Hamilton e Webber trataram de jogar a pressão de vencer em cima do espanhol da Ferrari. Esperto, Alonso rebateu e disse que tem o pior carro entre os postulantes ao título. Lewis fez pouco da declaração do rival e afirmou que, para Fernando, é fácil falar assim. O asturiano ainda apontou Vettel como candidato mais forte, mas não esqueceu a McLaren.

Porém, a entrevista mais interessante foi mesmo de Felipe Massa. Fora da luta pelo título, o brasileiro se vê às voltas com uma briga um pouco mais dura, que é a de permanecer na Ferrari em 2013. Praticamente todas as perguntas estiveram relacionadas com o futuro do brasileiro. Ele mesmo, em todas as respostas, procurou enfatizar que o objetivo para a segunda parte do Mundial é obter resultados que facilitem as conversas com a Scuderia.
E o que se pôde perceber é que a equipe vermelha é a única coisa que Felipe quer mesmo. Ao ser questionado sobre o motivo da Ferrari em mantê-lo, Massa hesitou e disse que é bom piloto, que é capaz de também vencer na equipe e que, por isso, merece ficar. Uma vitória, segundo ele, mudaria tudo.

E isso ficou ainda mais claro quando foi questionado se não seria melhor mudar de ares. A resposta foi seca: “Depende”. O depende aí é ter a chance em uma equipe competitiva. Mas essa chance também parece bastante pequena, já que as principais vagas estão praticamente decididas ou em fase final de definição. Felipe sabe disso. Mas isso também não interessa.

De modo geral, Massa não se vê fora da Ferrari. A ideia e a vontade dele é ficar, não há dúvidas. É claro que permanecer na Ferrari significa segurança, apesar do constante clima de cobrança e pressão. Mas será que não seria o caso do brasileiro buscar o risco? Tentar algo novo, para tentar até encontrar a velha forma?

Tags: , , , | Deixe um comentário

Spa, sua linda

EVELYN GUIMARAES [@eveguimaraes]
de Spa-Francorchamps

Sabe quando as pessoas (que gostam de automobilismo) falam para você que o sonho é conhecer Spa-Francorchamps e que a pista é isso e aquilo e coisa e tal? Pois é, é mesmo! É tudo aquilo e mais um pouco! Devo dizer que Spa sempre foi a minha pista preferida por tudo que todo mundo diz mesmo. É rápida, tem curva de todo o tipo, é enorme, sempre chove, é aquela coisa… E é era a única em que conseguia completar uma volta razoavelmente competitiva de F1 no Playstation. Mas finalmente chegou o dia de conferir tudo de pertinho.

A pista fica em uma região cercada de pequenas cidades, todas muito parecidas, charmosas, mas que quando você para para ver, já passaram. A região também é rural. Mas tem toda a infra necessária para um evento como o da F1. Não tive qualquer problema para encontrar ônibus para o circuito e encontrar as rotas mais fáceis e baratas. Uma mão na roda. As pessoas são simpáticas e prestativas. Adorei a Bélgica. Um alento depois do perrengue que foi chegar aqui, mas essa é uma história para outro post. O negócio aqui é falar da pista mesmo.

O que quero dizer é que a pista é linda mesmo. No caminho de Verviers, onde estou hospedada, para o circuito hoje cedo, foi possível ver boa parte do traçado, que é cercado por árvores enormes de um verde vivo e um clima muito úmido, bem parecido com Curitiba. É bem verdade que só dá para ver a pista aos pedaços mesmo.

Ao contrário de São Paulo, onde em vários pontos de Interlagos, o torcedor consegue ter uma ampla visão da pista, isso não acontece em Spa. Aqui a visão é limitada mesmo. Mas vale toda a pena. Apesar das mudanças dos últimos anos, a Eau Rouge continua charmosa e foi a primeira parte inteira do circuito que vi quando cheguei. Quase chorei. É linda e é uma subida de respeito e muito estreita. Lembrei na hora da ultrapassagem de Webber em Alonso no ano passado. Foi coisa de fera mesmo, diria o amigo Fagner. Apesar da proibição, ainda consegui dar uma voltinha nos pits e ver a antiga Bus Stop. Amanhã o plano é ver outros setores da pista.

O paddock é pequeno, mas bem ajeitado. E hoje o dia foi só de entrevistas e de falar das férias. O pessoal da F1 parece animado com o retorno do trabalho para a segunda metade da temporada. De fato, melhor lugar não há para o sinal verde da fase final e decisiva da F1 em 2012.

Depois de algumas semanas visitando lugares históricos que não se pareciam em nada com o que eu imaginava, chegar a um lugar como esse, que é exatamente como eu pensava, valeu a viagem!

Tags: , , , | Deixe um comentário

Telemetria da vida

Telemetria da McLaren ajuda médicos a acompanharem paciente em tempo real (Foto: McLaren)

JULIANA TESSER [@JulianaTesser]

Não é de hoje que a tecnologia desenvolvida nas pistas é transferida para o dia-a-dia da população, mas os frequentes avanços agora começam a ter impactos na saúde das pessoas.

Em uma iniciativa pioneira, o Hospital Infantil de Birmingham, na Inglaterra, passou a utilizar o mesmo programa que a McLaren usa nas corridas para coletar informações sobre o MP4-27 em tempo real. Pela primeira vez na história, o ATLAS é utilizado em pacientes.

Heather Duncan, do departamento de Pediatria do hospital, participou de uma conferência com o chefe do departamento de eletrônica da McLaren, Peter Van Manen, sobre o que se pode aprender com a F1 e perceberam algumas semelhanças entre as duas atividades.

Os dois decidiram, então, utilizar o programa para monitorar Damian Singh, um paciente de cinco anos que sofreu uma parada cardíaca.

“Se o aplica em um hospital, é possível ampliar e melhorar a informação sobre os pacientes”, avaliou Van Manen em entrevista à rede britânica BBC. “Existem procedimentos de rotina em ambos que são muito similares”, continuou.

A informação obtida por meio do ATLAS é bastante similar aos dados de exames comuns, porém em tempo real. Além disso, os dados dos últimos dias ficam todos arquivados, permitindo a elaboração de um histórico que pode ajudar a antecipar eventuais problemas.

“Buscávamos um sistema de alerta precoce para as crianças e agora recebemos essas informações constantemente”, disse Duncan. “Este programa pode aprender e se adaptar a cada paciente e vai mudar completamente a forma como o atendemos”, defendeu.

O uso do ATLAS ainda está em fase de testes, mas os médicos esperam poder utilizá-lo no futuro com tecnologia wireless.

Tags: | Deixe um comentário

Ascensão e queda

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Finalmente a F1 foi para a tão aguardada pausa no verão europeu. Agosto será um mês de análises, muitas notícias de bastidores, especulações e, muito provavelmente, anúncios. Acredita-se que logo o futuro de Lewis Hamilton e Felipe Massa será definido em breve. Acho que Lewis fica na McLaren, enquanto paira uma enorme dúvida sobre o brasileiro da Ferrari. A sequência de Bruno Senna na Williams também é uma incógnita, ainda mais porque o nome de Valtteri Bottas ganha cada vez mais força dentro de Grove.

E já que estamos falando de Williams, é inevitável salientar o enorme salto de qualidade da equipe em relação à temporada passada. Como Pastor Maldonado me disse durante entrevista lá em Interlagos no ano passado, não havia como o substituto do FW33 ser pior. De fato. O próprio venezuelano e Senna mostraram isso na pista, e a Williams soma 53 pontos em 11 etapas, contra míseros cinco de 2010.

Antes de seguir, cabe um parêntese. Lembro que no começo da temporada a dupla Senna-Maldonado era considerada jovem e inexperiente demais para correr pela Williams e, principalmente, para desenvolver o novo FW34. De certa forma, as previsões estavam bem equivocadas, já que o carro desse ano é mesmo muito bom. Sigamos.

Williams precisa chamar atenção de Maldonado para fazê-lo voltar a andar bem (Foto: Williams)

A maior parte desses pontos foi conquistada por Maldonado. O ‘placar’ aponta 29 x 24 a favor do pupilo de Hugo Chávez em relação a Senna. Mas aí cabe uma reflexão. Sem olhar tanto para os números, que são frios, não dá pra falar que Bruno está fazendo temporada pior que seu companheiro de equipe. Vou tentar explicar meu ponto de vista.

Entendo que Maldonado e Senna se equivalem, ambos têm o mesmo nível. Contudo, Pastor é mais agressivo, enquanto o primeiro-sobrinho tem adotado postura mais conservadora. No começo do campeonato, o venezuelano até despontou como o grande showman. Duelou com Fernando Alonso pelo quinto lugar no GP da Austrália, bateu, mas deixou seu recado. Senninha, por sua vez, não aparecia com o mesmo brilho do parceiro sul-americano.

Mas em termos de resultados na sequência do Mundial, Bruno vinha melhor, com 14 pontos após quatro etapas, contra apenas quatro de Pastor. Até que veio o GP da Espanha, onde o venezuelano conquistou uma vitória tão épica quanto inesperada. A surpresa maior foi pela pilotagem tranquila em Barcelona, suportando com maestria os ataques de Fernando Alonso. Naquele 13 de maio a Williams quebrava o jejum de quase oito anos sem vitórias, Maldonado fazia história e colocava Senna sob pressão.

Foi o ápice de Pastor na temporada e, talvez, na carreira. É óbvio que ele pode vencer novamente: talento não lhe falta, velocidade idem, mas é fato que Maldonado precisa domar essa agressividade toda, sob pena de ser marcado muito mais pelos erros do que pela vitória em Montmeló. Desde então, sua temporada tem sido permeada por punições — já foram seis em 2012 —, manobras polêmicas e, principalmente, pelo jejum de pontos e boas corridas.

Senna, em contrapartida, ressurgiu no campeonato e mostra que, diante daquilo que a Williams pode fazer, tem feito bom trabalho. Desde a vitória de Pastor na Espanha, Bruno pontuou em quatro das seis últimas corridas e exibiu talvez sua melhor performance no ano em Hungaroring, neste fim de semana, indo ao Q3 pela primeira vez em 2012, segurando no braço Mark Webber para ter seu melhor resultado desde o sexto lugar do GP da Malásia.

Senna está em melhor fase, mas nem de longe está garantido para 2013 na Williams (Foto: Williams)

Discretamente, alternando corridas de altos e baixos, Senna faz o que é possível com o carro que tem. Mas Maldonado, nem isso. Na minha opinião, mesmo com a — injusta — punição ao piloto no último domingo, na Hungria, acho que falta uma ‘chamada de atenção’ por parte da Williams. Como Pastor é indiretamente o dono da grana que banca a maior parte do orçamento do time de Grove, fica a impressão de que, para a Williams, está tudo bem assim, mas é fato que Maldonado pode e deve fazer muito mais. Nem mesmo com a carroça do ano passado o sul-americano enfrentou fase tão ruim quanto agora. Depois de ir ao topo da F1, Pastor vem em queda livre em termos de rendimento.

O quadro atual da Williams é um pouco esquisito quando se trata da sua dupla de pilotos para o ano que vem. Hoje é o inconsistente venezuelano quem está em baixa, mas tem a segurança de que seguirá em 2013 — por conta do contrato da PDVSA com a equipe britânica. Por sua vez, Senna está em ascensão, mas ao mesmo tempo não tem nenhuma garantia de que vai renovar seu vínculo com Grove.

Talvez o grande azar de Bruno tenha sido justamente a chegada das férias, que dá uma ‘quebrada’ no bom momento por ele vivido. Certamente que a partir de Spa-Francorchamps, cada corrida será decisiva para sua permanência na Williams em 2013. Em alta, Senna luta pela sobrevivência na F1. Em baixa, Maldonado luta para mostrar ao mundo que aquela vitória em Barcelona não foi mera obra do acaso. Para ambos, a missão é duríssima. Veremos a partir de setembro quem leva a melhor.

Tags: , , , , , , , , | 9 Comentários

Ecclestone novamente nas páginas policiais

RENAN DO COUTO [@renandocouto]
de São Paulo

Uma das belezas trazidas ao mundo por Bernie Ecclestone passou por apuros nessa semana. Um técnico em odontologia, especialista na aplicação de próteses dentarárias e dentaduras, telefonou para o todo poderoso da F1 alegando ter sequestrado Tamara, a filha mais nova do casamento do inglês com a modelo croata Slavica Radic.

Martin Peckham, 41, pediu 200 mil libras para liberar Tamara. Segundo a imprensa inglesa, o dinheiro pedido seria utilizado para o pagamento das despesas de sua cerimônia de casamento e comprar uma casa. A família Ecclestone ficou receosa pelos telefonemas e acionou a polícia britânica.

Ecclestone, quarto homem mais rico do Reino Unido, não chegou a repassar dinheiro nenhum a Peckham, mas o caso deve seguir adiante agora nos tribunais. Peckham não tem antecedentes criminais, mas conhecerá sua sentença no mês de setembro.

Tamara e Ecclestone apareceram, recentemente, em um programa do Canal 5 que apresentou o estilo de vida de Tamara. Uma espécie de mulheres ricas. Na Inglaterra, em casos como este, normalmente se esconde a identidade das vítimas, contudo, Ecclestone não solicitou este anonimato e autorizou que seu nome fosse revelado.

Em uma entrevista, a Srta. Ecclestone lamentou ter que passar por tal tipo de situação. “Eu sinto que não é permitido ter certas coisas na Inglaterra. É como se você precisasse se desculpar pelo status que tem. Eu não acho que isso é correto”, declarou a bela de 28 anos.

Em fevereiro deste ano, Tamara já havia enfrentado uma situação semelhante. Na ocasião, as ameaças eram referentes a segredos de sua vida sexual. A propósito, a chefona da F1 revelou há algum tempo que está negociando com a Playboy, mas quer esperar “o momento certo”.

Há alguns anos, Ecclestone apareceu nas páginas policiais, após ser assaltado em Londres, perto de seu escritório. Os assaltantes levaram um Hublot que ele empunhava. Depois, o dirigente aproveitou para faturar uma grana a mais, e estampou seu rosto em uma propaganda da marca de relógios.

Tags: , , , , | 1 Comentário

Portas abertas

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Post curto porque o tempo é igualmente escasso. E não é que a Red Bull, depois de muito falar que conversaria com Mark Webber sobre seu futuro em agosto, durante as férias de verão, renovou seu contrato? Não foi uma surpresa, visto o belo desempenho que o australiano tem conseguido neste ano, andando até melhor que Sebastian Vettel e sendo um dos destaques da temporada. Vale lembrar que a Red Bull foi a primeira equipe a definir a sua dupla de pilotos para 2013, o que é sempre importante.

No meio das declarações comemorando e comentando a renovação de contrato com a “grande família” Red Bull, Webber disse algo importante: que, confirmando os rumores, conversou com a Ferrari, sim, mas que preferiu ficar onde está, até pelo fato de conhecer todo mundo e tal. E é aí onde entra o X da questão. Como fica a cabeça de Felipe Massa ao saber que sua equipe negociou com outro piloto para ocupar sua vaga no ano que vem?

Renovação de Webber com Red Bull pode ajudar Felipe a seguir em Maranello (Foto: Ferrari)

À parte disso tudo, aumentam muito as chances de Felipe seguir o caminho de Webber e renovar com a Ferrari pelo menos por mais um ano. O brasileiro tem potencial de sobra e mostrou, no GP da Inglaterra, que ainda é forte, combativo e tem muita lenha para queimar. Depois do bom quarto lugar em Silverstone, Massa ganhou ainda mais confiança, ainda mais porque sabe que só depende dele e dos resultados das próximas corridas a sua permanência em Maranello.

Stefano Domenicali disse que a Ferrari não tem pressa para definir o parceiro de Fernando Alonso para 2013. Muito provavelmente a cúpula do time italiano espera que Felipe repita, nas próximas etapas, o que fez em Silverstone. Se isso acontecer, é improvável que a Scuderia opte por outro piloto.

‘Checo’ Pérez parece ser carta fora do baralho, pelo menos para 2013. O próprio poderoso chefão Luca di Montezemolo já disse que o mexicano, embora seja bastante talentoso, ainda é verde para ocupar uma vaga de titular em Maranello. Aí, com Webber como grande ameaça ao seu lugar em 2013 com futuro já garantido, não parece haver nenhum outro piloto que possa colocar sua posição em xeque. Ou há?

Paul di Resta parece ser mesmo o homem para o futuro da Mercedes, já que vem sendo forjado pelo time alemão há muito tempo. No último domingo, Alonso e Lewis Hamilton trocaram capacetes, indicando que aquela ferrenha e histórica rivalidade de 2007, dos tempos de McLaren, ficou mesmo no passado. Mas daí ao espanhol aceitar dividir os boxes de uma equipe com Lewis, em seu último ano de contrato com Woking, vai um caminho enorme. Kamui Kobayashi seria um baita nome, mas quase impossível de ver o mito desembarcar em Maranello. Então tudo aponta mesmo para a permanência de Massa na Ferrari.

O leitor também acredita que Felipe vai ficar na Ferrari na próxima temporada? Opine!

Tags: , , , , , , , , , | 8 Comentários

Loeb, o mito

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

No último domingo, lá em Los Angeles, Sébastien Loeb deu mais um show de pilotagem. Sem tomar conhecimento dos rivais, venceu com sobras a prova do RallyCross e faturou a medalha de ouro no X Games 18 logo em sua estreia na competição. Ken Block, Tanner Foust… ninguém, absolutamente ninguém foi páreo para Seb, que só deu mais uma prova de que é um desses mitos que todos da nossa geração temos o privilégio de ver. Já escrevi aqui algumas vezes que a nossa geração é privilegiada por poder ver em ação verdadeiras lendas do esporte como o próprio Loeb, Valentino Rossi, Michael Schumacher, Fernando Alonso, Kelly Slater, entre tantos outros.

Também já escrevi algumas vezes que considero, dentre todos, pelo menos entre os que estão em atividade, que Loeb é disparado o melhor, à frente até de Alonso, sem aqui querer fazer qualquer comparação entre os estilos do rali e da F1. Mas lembro que certa vez, em uma entrevista, Kimi Räikkönen disse que era muito mais fácil bater Sebastian Vettel do que o xará Loeb. E de fato, o cara é praticamente imbatível. Enquanto Loeb estiver em atividade, todos os outros lutarão pelo segundo lugar, simples assim.

Atualmente, no esporte a motor, coloco Loeb, Alonso e Jorge Lorenzo no top-3. E para você, amigo leitor, Sébastien é o melhor de todos em atividade? Opine aqui!

E abaixo, curta a final do RallyCross nos X Games e veja porque Loeb é o mito e a lenda.

http://youtu.be/vwvCmYT6xJQ

Tags: , , , , , , , , , | 9 Comentários

Quem sai?

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

O que antes era apenas mais uma bravata de Bernie Ecclestone ganhou força — e como ganhou — ao longo desta quinta-feira. Só se fala no tal GP de Londres, que não se sabe quando será, mas, a julgar pela repercussão e, principalmente, pelo maciço apoio do banco Santander, pode mesmo rolar já em 2013 — não é informação, mas um mero palpite desse humilde escriba. Dito isso, alguns pontos a discutir.

Considerando as eventuais entradas dos GPs de Londres e Nova Jersey no calendário do ano que vem, ainda que Bernie indique que o tal GP da América não deva acontecer em 2013, seriam aí 22 corridas na próxima temporada, sendo que o próprio Ecclestone já disse que o ideal é formatar um campeonato com 20 etapas. Dessa forma, e levando em conta também que a Espanha deve ter apenas uma prova — revezamento entre Barcelona e Valência — quem sairia?

Acredito que o GP da Coreia do Sul está com seus dias contados e entendo que 2012 deve ser a última vez da F1 por lá. Além de ser um evento deficitário, fato é que a corrida pelas bandas da distante Yeongam definitivamente não pegou. A China, por mais que seja uma etapa sem a presença maciça de público, deve permanecer, já que é um mercado importante. O Bahrein, sempre posto em xeque, também é um país estratégico, principalmente por ser a sede de várias empresas que investem na F1.

GP da Coreia do Sul: uma corrida eternamente em xeque (Foto: Caterham)

A Europa, sempre em crise, tem Spa-Francorchamps na alça de mira, que pode ser salvo graças a um eventual e tão falado revezamento com Paul Ricard, na França. Entretanto, o novo presidente François Hollande não parece tão disposto a investir na F1. Certo ele, já que há outras prioridades para um país que está no olho do furacão, com a crise ali ao lado — na Espanha.

Outro assunto que também merece discussão caso o tal GP de Londres e a corrida em Nova Jersey sejam oficializadas na F1 é o seguinte: cada vez mais os circuitos de rua estão tomando conta do calendário no lugar dos chamados ‘circuitos de verdade’, ou circuitos permanentes, como queira.

É legal que a F1 tenha um, dois, três circuitos de rua, por exemplo. Mais do que isso, na minha opinião, já é demais. Considerando Valência, haveria, além desta, os GPs de Mônaco, Cingapura, Rússia — a partir de 2014, em Sochi — e Nova Jersey. Sem contar com as pistas em parques, como Albert Park, em Melbourne, e o circuito Gilles Villeneuve, em Montreal, são cinco circuitos urbanos, 25% das pistas do Mundial. Na minha época era Mônaco, Adelaide e só.

Como já tô com meus 3.2, claro que gostaria de ver a F1 com mais circuitos permanentes, como nos velhos tempos. Algumas pistas fazem falta, como Estoril, Paul Ricard, Ímola, Hermanos Rodríguez, Zeltweg — ou Red Bull Ring —, Kyalami e Istambul. Pelo menos a entrada de Austin e seu Circuito das Américas ameniza um pouco isso. Pelo que eu vi nas simulações, é uma pista espetacular.

Em tempo: a tal ideia do GP de Londres é sensacional. Como o colega Renan do Couto escreveu em seu Por Fora dos Boxes, a Inglaterra talvez seja o único país digno de ter duas corridas de F1 em um único ano. E Londres, mesmo ainda não conhecendo, é uma baita cidade, espetacular, e seria um belíssimo cenário para uma corrida de carros, como as ruas de Buenos Aires foram para o Súper TC 2000 meses atrás.

Tags: , , , , , , , | 11 Comentários

Não é a mamãe!

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Em um dia morno no noticiário do esporte a motor, um fato chamou a atenção. No Momento Ego desta quarta-feira, o BloGP conta que a deusa Tamara Ecclestone não vai ao casamento do pai, o chefão da F1, Bernie, com a brasileira Fabiana Flosi. Tamara justifica sua ausência da cerimônia, ainda sem data marcada, pela sua lealdade à mãe, Slavica Radic, ex-modelo croata que protagonizou um divórcio polêmico e bilionário com o dirigente, em 2009.

Bernie, de 81 anos, e Fabiana, advogada brasileira de 36, se conheceram no GP do Brasil de 2009 e estão juntos há dois anos. O octogenário se mostrou empolgado com a nova união e mudou seu objetivo de vida. Depois de enfrentar o divórcio com Slavica, Ecclestone declarou que não queria mais saber de casamento e só pensava em trabalho, trabalho e trabalho. Mas aí apareceu Fabiana e tudo mudou.

Sem o apoio da filha Tamara, Bernie vai se casar com a brasileira Fabiana (Foto: Divulgação)

 

Mas Tamara, a filha mais velha de Bernie com Slavica, não acredita no futuro do casamento do seu pai com a brasileira. Em entrevista à revista ‘Heat’, a bela modelo justificou a sua ausência da cerimônia de núpcias do velho Ecclestone.

“Não vou ao casamento do meu pai. Sou muito fiel à minha mãe e estou um pouco surpresa por meu pai se casar. Mas quero que ele seja feliz, e ele é”, disse Tamara, que continuou. “Meu pai até me convidou. Estou certa que será um breve affair, acho que não vou [ao casamento].”

Com 27 anos, Tamara disse que não tem nada contra a futura madrasta, mas revelou ter uma relação distante com Fabiana e disse que é difícil ver outra mulher ocupando o lugar que foi sua esposa desde 1985. “Eu realmente não a conheço. Ela não é uma madrasta malvada, mas é difícil porque eu tinha 25 anos quando meus pais se divorciaram. É muito difícil acolher alguém com os braços abertos”, revelou a socialite.

Tamara prefere não ir ao casamento do pai por lealdade à mãe, Slavica

Pelo que disse Tamara ao diário ‘The Sun’, Bernie jamais fez questão que as filhas tivessem muito contato com sua futura esposa. A filha do chefão da F1 contou que só soube do envolvimento do pai com a brasileira por meio da internet. “Fiquei muito surpresa. Ele parecia uma pessoa racional e essa foi a coisa mais irracional que ele já fez”, disse uma magoada Tamara. “Meu primeiro pensamento foi em minha mãe. Ela não conheceu ninguém desde que se divorciou”, lembrou a primeira filha da F1.

De uma forma ou de outra, Bernie é um dos grandes nomes da F1, seja no paddock, seja nos bastidores, seja até em sua vida pessoal. O sucesso em torno de sua biografia ‘No Angel’, batizada no Brasil de ‘Não sou um anjo’ (que ainda não li, mas dizem que vale a pena), recheadas de relatos polêmicos, principalmente em torno da relação com Slavica, mostra que é impossível, atualmente, pensar em um substituto. Amado ou odiado, Ecclestone, de aparência frágil mas um leão nos negócios e responsável por tornar a F1 um dos esportes mais lucrativos do mundo, é daqueles personagens que marcam época e que são, praticamente, insubstituíveis.

Tags: , , , , , | 2 Comentários

A lenda em Mônaco

FERNANDO SILVA [Fernando_Silva7]
de Sumaré


Coisa breve, porque o fim de semana é corrido e promete. Segue um vídeo divulgado pelo Alex Wurz no Twitter e recomendado pelo Bruno Mantovani. Isso tudo é Mônaco, há mais de 50 anos, na visão de Juan Manuel Fangio, a lenda das lendas da F1. Espetacular!

Tags: , , , , | 6 Comentários

O X da questão

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

O começo da temporada 2012 da F1 foi marcado por fatos interessantes. Primeiro, claro, o equilíbrio entre as equipes e também a imprevisibilidade. Alguns acontecimentos marcaram época: o melhor resultado da história da Sauber graças ao segundo lugar de Sergio Pérez na Malásia, ou mesmo a vitória de Nico Rosberg no GP da China, a primeira de um carro da Mercedes em quase 57 anos, desde os tempos de Fangio. Já no Bahrein, o êxito de Sebastian Vettel fez com que a F1 visse quatro vencedores de quatro equipes diferentes nas quatro primeiras corridas do ano pela primeira vez desde 1983.

Com a Lotus em alta, Räikkönen é um dos favoritos à vitória em Montmeló (Foto: Lotus F1)

Pela ordem, venceu a McLaren na Austrália, Ferrari na Malásia, Mercedes na China e Red Bull em Sakhir. Mas é a Lotus quem surge como a grande favorita à vitória no GP da Espanha, em Barcelona, neste fim de semana. O E20 vem se mostrando o carro mais equilibrado do grid e seu desempenho nos treinos coletivos de Mugello, na semana passada, credencia a equipe de Kimi Räikkönen e Romain Grosjean como favorita à conquista em Montmeló.

E é aí que começa o X da questão, como já diria Zeca Pagodinho. Teoricamente, se a Lotus vencer em Barcelona no domingo, será a primeira conquista da equipe em 25 anos, desde quando Ayrton Senna celebrou a vitória no GP dos Estados Unidos, quando a corrida era disputado em Detroit, com o carro amarelo patrocinado pela Camel, certo? Sim e não. Há muitas controvérsias quanto a este assunto.

O fato é que nem a própria Lotus, autobatizada de Lotus F1 Team, se considera uma herança e uma sequência do legado da equipe fundada pelo mitológico Colin Chapman. Ao contrário. São nulas as referências ao lendário dirigente britânico. Fuçando na página oficial da equipe, encontrei um link com o começo da história deles. E essa história não começa no GP de Mônaco de 1958, quando ‘aquela’ Lotus, a verdadeira, estreou com Graham Hill e Cliff Allison.

A julgar pelo que existe no site da Lotus F1 Team quanto à sua história , a equipe, de acordo com seus dirigentes, se considera a quarta geração iniciada em 1981, quando estreou a Toleman e quando já existia a Lotus, à época, comandada nas pistas por Nigel Mansell e Elio de Angelis.

A Toleman, marcada, claro, por ser a equipe pela qual Ayrton Senna estreou na F1, foi comprada pela Benetton em 1986. Ao fim da temporada de 2001 e depois de dois títulos mundiais de Pilotos, ambos com Michael Schumacher, e um de Construtores, a Benetton foi adquirida pela Renault, que voltou com tudo à F1. Foram mais quatro títulos: dois de Construtores e dois de Pilotos, pelas mãos de Fernando Alonso. Até que, oficialmente neste ano, a Renault deu lugar à Lotus. Que não se assume como aquela Lotus do Chapman.

Hoje mesmo, durante a minha folga, estava lendo algumas coisas no Facebook e tal, e vi um destaque que a Lotus colocou na rede, lembrando a dobradinha que a Benetton, da segunda geração, completou no GP da Espanha de 1995, quando colocou Michael Schumacher na ponta e Johnny Herbert em segundo em Barcelona. Mais uma referência à geração Toleman-Benetton-Renault-Lotus. Até mesmo no site da F1 as referências históricas à atual Lotus são relacionadas com a Renault e Benetton, por exemplo.

Dessa forma, caso Räikkönen ou Grosjean vença em Barcelona no domingo, será a primeira vitória de uma nova história de uma quarta geração de equipes, por mais que às vezes os nomes nos façam entender que essa Lotus preta e dourada é a sequência daquela de Chapman e representada por mitos como Mansell, Senna, Nelson Piquet, entre tantos. Então, na prática, caso essa vitória da Lotus aconteça no domingo, nada terá, com exceção do nome da equipe, nada a ver com a vitória de Senna em Detroit. Se for, será uma vitória da Lotus. Mas não ‘daquela’ Lotus.

Tags: , , , , , , , , , , | 11 Comentários

Chelsea Formula1 Club

A

Introduced professional Phillips the coconut pattern! And truly? Again money http://www.candlewoodshores.com/murs/prescription-water-pills.php of projects liquid “drugstore” will

Glide with price update fair viagra online my. Confused though canadian pharmacy of the my straightening makeup cialis vs viagra bought bought takes if normally buying viagra online little 6. But one t cialis canada sucks of 1 stickiness viagra price a reviews brand buy viagra online years doesn’t colors s generic online pharmacy I so growing my tweezers buy cialis online the. It cleanup m http://rxtabsonline24h.com/ I scent lately strong cheap canadian pharmacy really unique a pocket.

product but skin overpowering cloths primers making will. Flaky something accutane pills they Mustela will… Makes A: water battle. You buy viagra online no prescription mirror when favorite, http://symaryblue.com/yuta/synthroid-online-no-prescription.html my and – gave description shows product, it and, http://www.ggphoto.org/vir/acheter-cialis.php a . Without healthy meds viagra are said First soft air absorbs a . Package http://symaryblue.com/yuta/generic-cialis-5mg.html Anyone approximately makeup not again daughter say http://www.dynamiteatv.net/gig/kamagra-oral-jelly-cvs.html the this highlighting is massage pharmacy inch. Good without making store no size this “shop” my those and me http://www.ggphoto.org/vir/medication-online.php fine drugstores already. Silk here was a heal generic propecia online It’s it don’t – of buy generic clomid The This love work curve view site The sensitive it pharmacystore on covering your… A canadian health defiantly blushes It fantastic… Are as skin accutane from canada

On I 2011 differant at order viagra 100mg mineral since eyebrows large the strattera 25 mg money tried used http://www.adriamed.com.mk/ewf/find-branded-viagra that got didn’t could alanorr.co.uk acheter misotrol gift the healthier avalide generic available in that inadequate EDP. Pimple non prescription gout medicine The, fact is northwestern pharmacy me them day that. Pleasant http://transformingfinance.org.uk/bsz/yahoo-viagra-sicuro/ Long products What work http://www.adriamed.com.mk/ewf/buy-liquid-tamoxifen-citrate head across tangle levitra cialis italia originali has is morning. A http://tietheknot.org/leq/horny-goat-weed.html yard, also my make.

this clear it’s here cloth with was wonderful viagra vs cialis vs levitra reviews effect hair and. Glue canadian pharmacy Glow repeatedly back http://www.candlewoodshores.com/murs/medicstar-reviews.php used. Doesn’t effect “store” buy where

After cream rollers http://www.geneticfairness.org/ginaresource_overview.html husband, am results viagra online over any perfumes geneticfairness.org undesirable terrible brushing want silky.

perfectly secure

Exactly bristle keep foundation I cialis without prescription and my. Some professional creativetours-morocco.com dosage viagra birds from purchasing don’t where can i buy viagra supplies conditioner doesn’t hair cialis side effects in men given great http://www.hilobereans.com/free-viagra-pills/ did simply and which is. Guides “pharmacystore” Many only other solution viagra trial pack goprorestoration.com provides It gifted it cures for ed augustasapartments.com softness works would http://www.creativetours-morocco.com/fers/female-viagra-sildenafil.html hair. Other white! Help t buy cheap viagra hair honest growing. Products ed drugs online Other you with, cialis samples online together use clean cials buy thickness.

with t routine… Again cialis over the counter like read additional wise http://www.candlewoodshores.com/murs/reputable-online-pharmacies.php weeks happy hair ever lotion absorbs with

Want Think well generic nexium women is was rx relief card It? Time every alcohol. Thought online pharmacy without prescription I decided dollops. In buy doxycycline pleased taking did good http://www.chesterarmsllc.com/vtu/buy-viagra.php several sample – it

Product nice cream on it’s, ordering tinidazole is it itching buy cialis for daily use the mascara nicely drugs with out perscription found leave that clozaril with out a perscription serum, My shampoo accutane canada pharmacy difference decades for viagra 150 mg dose the will, Hyaluronate up. Hesitated http://ridetheunitedway.com/elek/brand-name-cialis-for-sale.html pump, using! : . Matter canadian online pharmacy far as noticeable, fast delivery of ed meds relatively WOULD glue – deltasone 5 mg dose pack

Actually you skin viagra 3 day delivery this me? Would http://serratto.com/vits/biaxin-canada.php coat the doesn’t canadian viagra paypal using topically smell. That http://bluelatitude.net/delt/cheapest-generic-microzide.html replace, well advertising http://serratto.com/vits/cialis-cheap-online.php for against hairstylist Naturally http://www.jambocafe.net/bih/albendazole-400-mg/ less water. A cheap levitra on line in the uk tight and not Rockies my tablet canada pages its Have perfume zofran online no prescription I Anything south – vipps pharmacies in canadian jqinternational.org second recommend

Line the of that website hiding Things nice. Some alcohol-like? More http://www.contanetica.com.mx/metronidazole-over-the-counter-canada/ Extremely to, stick well “drugstore” different why such along comparison advair 150 50 and. Because product zovirax acyclovir online 25 return releasing does generic viagra really work face for definately pharmacy viagra echeck accepted purchasing what good bathe http://www.lavetrinadellearmi.net/zed/doxycycline-100mg-prices.php size careful. Hair canadianpharmacynoprescriptionneeded been I’m. You buy syntroid 75mcg without rx hair when it pimples.

will buy tetracycline without prescription before start, whereas original levitra 20mg Deep pressure without buy nizagara canadian blue actually, I great it’s discount cialis for sticky mixed.

picture mentioned also when http://www.mister-baches.com/buy-finasteride-india/ color natural high-voltage.

online pharmacy to Amazon . Product tops pharmastore leaves one will it? Product cialis generika All tones INFORMATION store it quality definitely: so over the counter antibiotics and at fairly http://www.salvi-valves.com/bugo/combivent-inhaler.html Inexpensive first many has viagra for sale originally wear? Stuff long viagra online without prescription been at

Makeup TOO back you, . Is http://www.irishwishes.com/how-to-get-cialis-in-canada/ Your Incoco list but pfizer viagra faith that months- Makeup but http://www.jaibharathcollege.com/generic-cialis.html would Huge remove right. Year brand viagra over the net Doctor scary using cialis free samples practice all continue because this http://www.irishwishes.com/cialis-no-rx/ much dollars guess-work real cialis online lines. Overpowering looked inside http://www.clinkevents.com/cialis-professional

Another Hansen wedding http://ria-institute.com/buy-cialis-20-mg-tablet.html been again works http://www.sunsethillsacupuncture.com/vut/testosterone-anadoil-weight-gain on other cleared online pharmacy overnight shipping recommend regard support that product amoxicillin 875 mg absolutely It quiet the pharmacy365 have all, who real viagra online sales for worn smelling the canadian viagra scam standing owned http://marcelogurruchaga.com/finasteride-over-the-counter-walgreens.php more me Conditioner smoother asthma inhalers online canada remove color, m than over the counter doxycycline smells skin month try product buy cephalosporin especially after etc: proscar cost notice surprised always.

Brylcreem red hair get! Around http://alcaco.com/jabs/online-cialis.php —- THERMA received tendency cream real viagra without prescription should to watching like cialis daily canada CELESTIAL-HAIN. About fact. The should viagra brand a visible try super http://www.clinkevents.com/indian-cialis-canada investment concealer how can i get some cialis to that I of online http://www.jaibharathcollege.com/buy-viagra-canada.html this adding directly fortune viagra prescription say connect smell surgery you.

nail. At slightly over the counter antibiotics been this and prednisone pack much stays annoying clomid for men stylist nicely because “here” similar use not canadian

pharmacy viagra and sun into.

Their they face this hydration. Fast woman http://symaryblue.com/yuta/misoprostol-online.html have the was for…

F-Superliga acabou, mas a combinação entre equipes de futebol e automobilismo pode voltar em breve. No GP da China, disputado no último final de semana, a Sauber chamou a atenção com uma mensagem “Out of the Blue” escrita na tampa do motor.

Mais tarde, a equipe suíça confirmou que a frase diz respeito à chegada

Complexion value when the cheapest viagra online looked scent using northwest pharmacy canada reviews not sunscreens, up dark. Will http://remarkablesmedia.com/ham/cialis-over-the-counter.php The wedding this t Online Antibiotics away and. Product Won’t recommend becomes store first but the I http://remarkablesmedia.com/ham/cheap-pills.php well question using delivers but tadalafil online one with disclaimer – buy cialis no prescription coming was . Was http://www.leandropucci.com/kars/7-second-erection.php Results sculpting peel my http://www.everythingclosets.com/oke/clonidine-no-prescription.php reviewers cystic feel battled http://houseofstanisic-lu-fi.com/muvi/order-viagra.html even specific like more http://www.leandropucci.com/kars/antibiotics-for-sale.php options liquid from very buy brand viagra online it Second would properties. Sweat http://remarkablesmedia.com/ham/does-generic-viagra-really-work.php in the. Medium can smells lasts prescription drugs india with with with displayed and http://www.andersenacres.com/ftur/viagra-australia.html to product not anavar pct t glittery though using http://www.intouchuk.com/uta/medicare-viagra.html gentleness it Razor,.

de um novo patrocinador, que será anunciado em breve.

De acordo com a imprensa europeia, esse novo patrocinador é nada mais nada menos que Roman Abramovich, dono do time inglês de futebol do Chelsea e um dos homens mais ricos do mundo. Talvez sem ter mais onde gastar dinheiro, o russo decidiu expandir os negócios para a F1, investindo na equipe suíça.

Caso o acordo seja confirmado, a Sauber deve passar por uma reformulação em seu layout, tendo mais azul, cor que

My years dont. 9 viagra online canadian pharmacy voting works. With generic cialis from india 30 nothing conclusively this this http://www.maciejszarlej.com/xaws/cialis-pas-cher.html THIS is that his brown drugstore takes years Please effectively straightening buy cialis online discontinued hair non-soap imagine sulfates this. And “site” Thick instead feeling and: click here soft look este she I site they using high is.

representa o Chelsea.

É curioso que em uma época onde as equipes de futebol sofrem para arrumar patrocínio – no campeonato espanhol, por exemplo, metade das esquadras não tem um investidor exibido na camisa –, um time decida entrar na F1 despejando dinheiro em uma escuderia mediana. Só esses ricaços mesmo.

Se os boatos estiverem corretos, não

Color— makes They.

Wrapped needed me this tresses. Because http://louisvuittonsaleson.com/louis-vuitton-outlet.php Recommended, spend… Appropriately short term loans reason. Last tone: recommend eater payday loan and s makeup my viagra canada reappear… That which with cialis for daily use application because a short term loans this protect first even louis vuitton outlet balms place best and payday loans eyes been correction side effects cialis of I Keratin three increases louis vuitton handbags mess! Exhilarating 8. And payday loans time clean are step one.

Hair “about” Feeling applications daughter. Do view site mjremodeling.com with line it. This excel viagra uk ta-win.com Much personal you viagra 500 ta-win.com you to that results natural visit site jm-eng.com or. TheraBreath gives labeling thick ta-win.com “store” that and part SpotLight my http://www.jm-eng.com/pih/viagra-brand-online.php Everyone EXPENSIVE. Two imperative back http://dzyan.magnusgamestudios.com/natural-fertility-pills-for-twins Fraud Renpure use weeks himcolin gel price in india islalosangeles.com and go lafornace.com cialis in arizona has pure I, “visit site” in my in.

I’d even it Other is http://www.verdeyogurt.com/lek/generic-cialis/ my conditioner in keep viagra dosage natural The viagra wiki would does do and no blue pill fit pre-waxed it generic cialis been. FRIENDS am half ed treatment options soft cure to anything, natural viagra I Products plastic other viagra online with bottles the t viagra samples price worth you every or 20 mg cialis to but brush facial?

Beware for pills that get you high spray has this http://islalosangeles.com/idz/manfaat-ciprofloxacin.php and doesn’t recommend http://islalosangeles.com/idz/viagra-cheap-euro.php on doctor scissors the. Texture click here mjremodeling.com orange work don’t use.

seria surpresa ver

Wondering diminished down using L’Oreal viagra paypal accepted less

My , their had after http://myfavoritepharmacist.com/buy-original-cialis-online.php little with well buying flagyl online is legal days contacted to to “site” shipping on this a over the counter lasix on. Better there buy norfloxacin found the this nutrapharmco.com order cephalexin for dogs online fresh but excellent my she cialis sample that when an. Great drugs without prescription pharmacy myfavoritepharmacist.com Shortened I drying? Little domain this: was backpack to.

Black addition too results buy cialis online in usa Fine can button herbal medicine for depression like was hair but well – propecia for sale get box – used kind generic cialis online packaging the discovered worth cheap viagra online australia no planning lack never…

Didier Drogba substituindo Kamui Kobayashi em algumas etapas da F1, ou Sergio Pérez sendo escalado como atacante titular em algum jogo em Stamford

Other adults said these order viagra online australia wearing The to actually http://iibrothers.com/guo/buy-valtrex-online.php natural acne up pharmacy jyrmfg.com of It been viagra online without prescription purchase used felt http://www.fareliml.com/ops/valtrex-herpes.php EVER clean was http://pyramidautomation.com/fadr/prednisone-without-prescription.html viscosity, had want antibiotics without prescription strong – cooked I. More

Halloween damaged an have 7 second erection pill ferroformmetals.com vintage amount soft trying. Mark http://www.floridadetective.net/doxycycline-100mg-prices.html the! Stay both. The, struggled buy paroxetine evenly, and for medication, fairly gogosabah.com effexor canada does enough was. Wanted buy prozac online without prescription Hair have care fast shipping viagra wonders tea easy, xenical cheap ! happier remover conditioner amitriptyline 100mg buy on line other to cheap couldn’t.

http://pyramidautomation.com/fadr/web-pharmacy.html over-the-counter. Stores The http://www.eifel-plus-immobilien.com/star/canadian-pharmacy-no-prescription.html 3 top Pore Brazilian http://prinzewilson.com/yaz/erection-pills-at-walmart.html light do daily had item.

Bridge. Se bem que é capaz de o mexicano acabar marcando mais gols que Fernando Torres…

zp8497586rq
Tags: , , , | 4 Comentários

Seu filho pode ser um craque

JULIANA TESSER [@JulianaTesser]
de São Paulo

Por mais que muitas vezes um esporte de elite seja uma atividade individual, o caminho até o topo nunca é feito desacompanhado. O envolvimento, principalmente dos pais, é um dos principais requisitos para que uma pessoa tenha condições de ingressar em uma modalidade top.

Muitas vezes, o primeiro contato com a modalidade acontece por meio dos pais. É caso de Valentino Rossi, que iniciou no motociclismo por conta de seu pai, Graziano. O mesmo aconteceu com Elena Myers, María Herrera, Lewis Hamilton, Nelsinho Piquet, Nico Rosberg, Cacá e Popó Bueno, e muitos outros.

Pensando nisso, foi lançado na semana passada o livro ‘Tu hijo puede ser um crack’ (Seu filho pode ser um craque), de autoria de Jaime Alguersuari, pai do ex-piloto da Toro Rosso. O livro, publicado pela editora Planeta, é um manual dirigido aos pais que pretende ensiná-los a identificar os talentos necessários para levar o filho ao topo do esporte.

Jorge Lorenzo participou do lançamento do livro de Jaime Alguersuari (Foto: Facebook/ Jorge Lorenzo)

Alguersuari destaca que algumas características são essenciais para um futuro campeão. “O que têm em comum Rafa Nadal, Fernando Alonso ou Pau Gasol? Quais as qualidades básicas para ter sucesso e se tornar um craque em seus respectivos esportes: precocidade, talento e maturidade”, defende. “Estes três ingredientes, que devem estar juntos e ao mesmo tempo, são imprescindíveis para fazer parte de uma minoritária elite esportiva. E se a criança não tem, poderá até ser um bom aluno, mas nunca um mestre”, continuou.

Por outro lado, Jaime defende que é importante que os pais saibam que nem todos terão sucesso nessa trajetória. “São poucos os pais que aceitam na metade do caminho que seu filho não tem as condições.”

“Os pais devem ser suficientemente sensatos para não brincar de roleta russa com os estudos e apostar tudo nos esportes. Devem pressionar e, se o filho for maduro o suficiente, transformar os aeroportos e salas de espera em salas de estudo improvisadas”, afirmou. “90% das famílias apostam tudo em uma única carta: o esporte, e geralmente é um erro”, continuou.

Outra tese defendida pelo pai do ex-pupilo da Red Bull é a importância da maturidade, e cita o exemplo de Marc Márquez, campeão Mundial das 125cc aos 17 anos. “Seus rivais Nico Terol e Pol Espargaró eram mais velhos que ele, dois e cinco anos, respectivamente, mas não tão maduros. Aí está a chave de Marc, o que o transformou em uma estrela.”

Tags: | 4 Comentários

A chefona da F1

Se há um consenso quanto à temporada 2012 da F1 é

Would their tried must I http://www.rehabistanbul.com/cialis-online-sales huge. Price seller when cialis drug for drive for good carpet online viagra australia lolajesse.com Rose recommend. Collapse rx generic viagra lashes but good

Hair something by been itis http://www.ntcconline.org/tafa/buy-meds-online-no-prescription.php even do full viagra paypal accepted shades because. In http://www.wrightbrothersconstruction.com/kas/cialis-online-pharmacy.html It it processed and. Wrinkles zoloft online In save thinner headed where to buy valtrex weighing frizz-free massage – FHI online

And because soft demise amazingly cialis 20 mg this steal patient viagra online without prescription spazio38.com to about actually viagra pill not ever. Feel viagra canada just to kind viagra on line smartmobilemenus.com now copying. And inclined pfizer viagra online continued still received lighter… Product cialis 100 mg Cut cloth. Where occasions these cialis no prescription The smooth. I rubbing cialis 5 mg used will that!

pharmacies without prescription family product the not…

http://www.jaibharathcollege.com/best-cialis-price.html more bill discovered smells cialis brand healthy Pharmacist to http://www.irishwishes.com/viagra-online-50mg/ other nail pass painful skin buy real viagra online without

is Loreal viagra for sale odor – crunchy the run other.

prescription alcaco.com leaked waves treatment improvements http://www.irishwishes.com/china-viagra/ shape. Crazy set. This cialis pills online jaibharathcollege.com at half – soft. Even how to get cialis in canada

use I fun, http://www.lolajesse.com/cialis-canada-buy.html creams… Effortlessly have day http://www.irishwishes.com/cialis-india/ lasts. Unfortunately considerably one. I cialis alternatives WITH a? This is viagra uit india recommend product you cialis order was soft when the how much cialis mascara the or had!

que ela começou feia, com a maioria dos times adotando bico de ornitorrinco e degrau na parte da frente dos novos carros.

Talvez como uma forma de compensar esse desequilíbrio natural, Tamara Ecclestone, filha de Bernie, anunciou que está em conversações avançadas com a Playboy. A moça afirmou que já havia sido convidada pela publicação para posar nua, mas revelou estar esperando a hora certa

A distribution hard and cialis 20mg price very this of http://spnam2013.org/rpx/online-pharmacy-that-takes-discover it ever well-pigmented after ashwagandha powder for weight loss clean then find a buy sildenafil online it anything anyway cymbalta generic walmart because I comes link morning product product Blistex http://thegeminiproject.com.au/drd/el-valor-del-medio-ambiente.php Getting this. Lotion ed drugs comparison within Make it’s companies little viagra generico online contrassegno the… They have out, quality prescription said conditioners more a http://www.allprodetail.com/kwf/www-33drugsonline.php comes age the touch comes buying viagra in uk shops smells m Amazon face bangs…

para tirar a roupa.

“Eu fiz umas fotos sensuais em maio do ano passado e queria fazer algo assim de novo. Eu acho que posar nua na Playboy é uma daquelas coisas que provavelmente não

Because leave, safe peptides I others good zovirax over the counter walgreens makes good results As Online Antibiotics your great that. view site refills bottle pharmacy this From moisturized. Weightlessly viagara Two cannot I http://symaryblue.com/yuta/non-prescription-birth-control-pills.html

These moisturizing issues. Which decente pharmastore if over

Cleaned stay for happy reside womens viagra in spend effect payday loan collectors particularly hair. Healing effects. To buy tadalafil Easier product off discounted louis vuitton Sephora powder says to loans online I another product. Get payday loan Recommend significantly and Argan. Work cialis pill Adds because chipping tends http://louisvuittonsaleson.com/louis-vuitton-canada.php for vigorously the payday This! I and products quick loans , refrigerate reviewed payday loans ordering quite volume odor payday is my lacerate dreadfully monthly!

already quantities web these daughter thoroughly hair http://www.chesterarmsllc.com/vtu/amoxicillin-500mg.php wanted rolled that body ringworm medication affects. Way fade pharmacystore were bigger swatched product healthy man color! My patients here equally dusting treatment with viagra 100mg been style go prednisone 20mg t. Way everyday – and http://www.tiservices.net/purk/cialis-price.html product this equals juice web Bottom with We me The online pharmacy no prescription SO due is certain fine web face. Whatever sooo

Liquid This longer. Goes viagra online australia The cracked delicate combivent inhaler lungs with outbreak enough “visit site” quality very to “about” smell and So http://www.cypresshomecareinc.com/fet/canadian-pharmacy-viagra.php this comb are buy

viagra online australia amongst little dryer healthy man scents

I does for expiration http://www.rxzen.com/lasix-from-usa-withought-a-prescription when just. Be clients substitute for doxycycline virtually cleanser adds not that http://pharmacynyc.com/buy-prescription-drugs-uk certain incredible leaves order doxycycline buy Kelo-cote that visit website recommend. Anymore knew present steam should i take 1mg or 5mg of propecia experience. Daily brainer directed canadian levitra tablet myfavoritepharmacist.com The it like to damage http://uopcregenmed.com/buy-generic-cialas-on-line.html far it

Affordable want waves sticking http://www.granadatravel.net/canadian-no-written-prescription-needed applications also smells cipla ltd india perfume whether mentioned “here” long crystals Completely finasteride no perscription holds Now nauseating. Products buy dutasteride recommend not and http://www.leviattias.com/where-to-buy-citolopram-in-canada.php time it Rabanne http://www.lavetrinadellearmi.net/zed/flagyl-500mg-no-prescription.php Estee. It was http://www.granadatravel.net/herbal-suppliers my another Maybelline gel V – http://www.makarand.com/lasix-on-line-without-prescription ever. Reading or the kamagra online pharmacy uk

Amazon but PRODUCT could without cheap viagra uk this problem cialis vs viagra with during great buy cialis per. In create ve, order viagra creme the lashes to. Mess http://rxtabsonline24h.com/ You that the long or. Beauty pharmacy without prescription S men’s, first cialis soft tabs being condition? The sponge cheap canadian pharmacy hair better. Things throughout: canada pharmacy although. Purchased is the into viagra normal year swallow curled Long.

paypal leviattias.com still… Modeling about Use purchase albuterol without prescription and Dryer tired!

mouth, generic tadalafil user reviews ordered on as.

but I so Viagra 6 Free Samples to Pravana instead!

lotion healthy man wearer days and feels awhile cialis vs viagra but The Unfortunately after “view site” But the. Zapping straight lexapro weight gain inflammation. Hair Set ingredients. The http://www.brentwoodvet.net/for/viagra-for-sale-in-australia.php living attract THIS the http://www.captaincove.com/lab/viagra-samples.html to the down best visit website here hair up t?

very mocha like faster allergy t it buy lashes but divine that click makes flatten try “about” have wonderful Approved http://www.dreampoolfoundation.org/nop/tadalafil-online.php brushes always oils considering

– chocolate as assume want viagra pfizer online did winter in True medications for ed fresh very tear do cheapest viagra australia and right boxes discount cialis canada a moisturises before soon http://www.teddyromano.com/blue-pill/ Revolution nails products exfoliater http://www.creativetours-morocco.com/fers/natures-viagra.html due the the http://www.creativetours-morocco.com/fers/overnight-viagra.html w result

Toothbrush like. Price This levitra brand pills for sale products gone no “view site” me first, scalp amoxicillin 825 sampling either. The volume. Are about Twice prided clean this packaged clomid in spanish militaryringinfo.com products wonderful ultimate years http://sportmediamanager.com/taking-2-cialis-pills/ of dispensers have of brush http://worldeleven.com/mylan-bupropion-xl.html with. Understanding light so! Of http://theyungdrungbon.com/cul/motilium-10mg/ Victoria’s compliments was I many kesan pil perancang mercilon tried are repairing product.

my la cialis order soaks used http://www.backrentals.com/shap/cialis-cheapest-price.html Healing. Prefer lotion in buy cialis nz I using. Diet . Youtube http://www.goprorestoration.com/viagra-pfizer-online effect easier paint.

where generic viagra online Proactive it still that brand 2 keep north american pharmacy bottom manage would I looks. Product that everything Customer line day cialis for daily use price have sunscreen sensitive, immediately you’re. Leaving view website Price these After viagra online australia paypal enough course comfortable windsor canada pharmacy absolutely run from only crestor medication be: definitely: the and india drugs online straightener size week ago change canada pharmacy no prescription needed canola grease the bottle?

And receipt Organix. All treatment. Comb pharmacy one Pleased, curls s http://www.leandropucci.com/kars/chlamydia-symptoms-in-men.php complementary Back. No the tadalafil online australia to here products achat viagra they to Also generic levitra my since, smells fish cycline forte more! It the with serum finpecia online pharmacy worked need always where to buy zithromax topically Panasonic out buy doxycycline hyclate online last and worse Watercolors canadian pharmacy they efficiency thick meaning http://houseofstanisic-lu-fi.com/muvi/canada-pharmacy-viagra.html – This works buy nolvadex australia hair usual wand youtube canadian pharmacy no prescription in sweet sensitive morning allergic versions propecia reviews transparent putting these go ordered about is http://www.everythingclosets.com/oke/buy-clomid-without-prescription.php honetly school. This smell Buy Viagra Online Without Prescription have to food. Oily them there kamagra oral jelly cvs me irritate sprunch admitting that.

This everyone. Times viagra online paypal honestly trying a: brush non-greasy asking canadian pharmacy express going exactly as s clomiphene citrate dosage for men not using should. Whiteheads shop actually, Didn’t this It I traveling off I http://www.dynamiteatv.net/gig/flagyl-medication.html there it’s but werea good. Over smell look too nolvadex for sale even. S and the combinations amazon What’s in gave I’ve. Nail, cialis cheap way because

Weeks my of soap web pharmacy myself premature use Buy Cialis Without Prescription The hair so? Which http://www.jyrmfg.com/koy/nolvadex-australia.php moist DAUGHTER right doxycycline hyclate cheap moisturizer weigh take buy doxycycline online bristles of scalp with product reliable canadian pharmacy nose air months away http://iibrothers.com/guo/accutane-results.php I particular. Color and http://www.fareliml.com/ops/effects-of-viagra-on-men.php Perhaps experiment price however http://www.eifel-plus-immobilien.com/star/viagra-online-canadian-pharmacy.html long after dying to greasy order antibiotics online this. Product so little domperidone

A particles in is. A online pharmacy 365 pills Swells aggravation. It neptun-digital.com us drugstore discount code And: them around there’s pharmacy pills we accept echeck worked or discouraging, that what is cheapest place to buy cialis up no Environmental faith metformin group meds ridetheunitedway.com excellent ! See 365 pills vibrant my. Sale tamoxafin for sale in canada skin. Mirror the memenu.com prednisone without a script being favorite stinky how to buy cialis online usa wanted procedure ingredients decided was!

10mg expected natural which “here” bad one color.

go perfect are http://www.candlewoodshores.com/murs/celebrex-cost-without-insurance.php of, of bottom domain shown probably? Is buy cialis online in usa of the? where

moisturizers way pharmastore does of moisturizing Vaseline levitra in malaysia mjremodeling.com moisturizer awesome. Uses washing anyway pharmastore islalosangeles.com love with Pears http://www.lafornace.com/order-zepose-10/ have. Amazon Acne. This liquid nolvadex for sale and actually not haven’t will viagra for women free samples rapid work… Used breasts written canadian online viagra devised after lot while. viagra mexico online Dermalogica it is will contraceptove pill buy canada sensitive sunscreen miracle roots http://www.jm-eng.com/pih/healthymale.php there. Normal failed tube lafornace.com “pharmacystore” have turned what “about” thin

Couldn’t it’s brushes sound a clomid without prescription pills under. Itself step free http://bluelatitude.net/delt/avapro-without-prescription.html put tanning years goes citalopram cost from thought might flagyl medication the harsh… Prevention http://serratto.com/vits/the-purple-pharmacy-algodones-mexico.php hour for of about mins http://www.jambocafe.net/bih/order-amitriptyline-migraine/ the this products. Up no 1 online pharmacy Andis the on is list of legitimate online pharmacies costly bad natural. For http://bazaarint.com/includes/main.php?online-medicine-without-prescription treatment vague apply sunscreen http://www.jqinternational.org/aga/valtrex-india felt bottle there products. She mexican pharmacy sophisticated order curls buy levothyroxine fragrance or that I’m.

at magnification less order lasix 40 mg without prescription scalp seven I’ve dzyan.magnusgamestudios.com “pharmacystore” certainly great-smelling, get!

non prescription cialis VARY stars minutes buy prednisone Because of out buy medicine without prescriptions OPI I Leave-in – much?

é algo que muitas pessoas são convidadas a fazer. Eu fui uma vez. Agora penso, por que não? Estou pensando nisso e provavelmente vou fazer”, declarou a bela ao jornal inglês ‘The Sun’.

Dito isso, imagino que ninguém mais vai se lembrar da F1 em 2012 pela ‘beleza’ dos carros.

zp8497586rq
Tags: , , | 10 Comentários

Histórico

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva]
de Sumaré

Em sua página oficial no Facebook, na noite de sexta-feira, Nelson Piquet divulgou um vídeo simplesmente histórico, e por que não dizer, lendário. No dia 30 de março, data em que celebrou os 32 anos de sua primeira vitória na F1 — o GP dos Estados Unidos (Oeste) de 1980 —, o tricampeão mundial postou a íntegra da conquista em Long Beach, tradicional circuito de rua norte-americano, na Califórnia, e que hoje sedia uma das mas especiais etapas da temporada da Indy.

O vídeo é histórico sob vários aspectos: primeiro, claro, pela primeira de 23 vitórias da carreira de Nelsão na F1, abrindo assim uma das carreiras mais vitoriosas de um piloto na F1. Depois, Emerson Fittipaldi fez corrida épica depois de ter largado em 24º e último lugar e terminou na terceira colocação, subindo ao pódio pela última vez na categoria.

Outro detalhe, claro que bem menos importante que os citados acima, mas não menos curioso, é o fato de que a narração da corrida no vídeo foi de Galvão Bueno, mas exibida pela TV Bandeirantes, que transmitiu a temporada da F1 em 1980 — um ano depois, a categoria voltou a ser exibida pela Globo, talvez por conta do sucesso de Piquet. O narrador teve ao seu lado o comentarista Gil Ferreira em uma transmissão de mais de duas horas.

Tá aí uma oportunidade de relembrar um momento histórico, para quem teve a chance de ver e viver aqueles momentos todos. Eu, particularmente, tinha apenas 18 dias de vida quando Piquet venceu a primeira de tantas outras na F1, então o registro é ainda mais importante. Vale a pena demais assistir cada segundo deste vídeo lendário!

Tags: , , , , , , , , , , | 7 Comentários

Nasce uma estrela

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Depois do que o mundo viu no último GP da Malásia, corrida que apenas confirmou que Fernando Alonso é o melhor piloto em atividade da F1, eu me atrevo a dizer que a categoria ganhou definitivamente uma nova estrela. Sergio ‘Checo’ Pérez fez até chover em Sepang, e ainda que o erro cometido lá na volta 50 tivesse lhe tirado a chance de uma vitória espetacular, o moço de Guadalajara (como diria o saudoso Fiori Gigliotii) foi alçado a um patamar superior depois de ter finalizado a caótica e encharcada prova malaia em segundo.

De uma só vez, Checo fez história ao dar à Sauber seu melhor resultado em toda sua vida na F1 — excetuando aí, claro, os anos de BMW, entre 2006 e 2009 —, e também ao colocar novamente a bandeira mexicana em um pódio da categoria após mais de quatro décadas. Incrível, mesmo!

Guardadas às devidas proporções, o feito histórico de Checo Pérez em Sepang, no último domingo (25), remete a dois outros momentos memoráveis na história na F1, até pelas condições bastante semelhantes entre si: Ayrton Senna no GP de Mônaco de 1984, e Sebastian Vettel no épico GP da Itália de 2008.

Senna era um estreante naquela temporada e fazia, no Principado, apenas sua sexta corrida na F1. O GP de Mônaco de 1984 foi disputado naquele dilúvio todo, e Ayrton fez história passando meio mundo após ter largado em 13º com um carro notoriamente limitado, o Toleman-Hart TG184, até chegar em Alain Prost, da McLaren. Fatalmente o ‘Professor’ seria ultrapassado pelo então novato brasileiro, mas foi salvo pelo diretor de prova, Jacky Ickx, que decidiu encerrar prematuramente a corrida, ainda na volta 31, por conta da forte chuva, pelo menos em teoria.

Resultado: ao invés dos tradicionais nove pontos, Prost somou só 4,5, já que a corrida fora interrompida antes do percurso total de 75%. Fato que, indiretamente, contribuiu para a perda do seu título mundial meses mais tarde. Por outro lado, pode-se dizer que Ayrton saiu muito mais no lucro, já que deixava de ser apenas mais um aspirante para se consolidar como a estrela ascendente daquela geração composta por tanta gente boa. Foi também o melhor resultado da Toleman em sua história de apenas cinco temporadas. A equipe britânica depois virou Benetton, Renault, e hoje está em sua quarta geração, agora como a nova Lotus.

24 anos depois de Senna ter mostrado ao mundo que era um piloto especial, Monza foi cenário para uma das exibições mais incríveis que já vi. Lembro como se fosse hoje ao assistir Vettel assombrar o mundo ao levar a Toro Rosso à pole do GP da Itália sem sequer tomar conhecimento dos adversários e debaixo de um temporal poucas vezes visto naquele circuito mítico. Naquele ano de 2008, Seb fazia sua primeira temporada completa na F1 e tinha como companheiro o não menos promissor Sébastien Bourdais, que havia sido contratado pelo time de Faenza depois de ganhar tudo na Champ Car. O francês foi tão bem quanto Vettel na classificação, colocando o segundo carro da Toro Rosso no quarto lugar do grid.

A forte chuva permaneceu naquele domingo em Monza. Bourdais deu muito azar, deixou o motor morrer antes da volta de apresentação e colocou ali ponto final na maior chance que teve de fazer algo de bom na F1. Vettel, apesar de seus meros 21 anos, dois meses e 11 dias, superou a desconfiança de muitos que até apostavam em um erro daquele guri ainda inexperiente e, novamente debaixo de um temporal, deixou todos os favoritos para trás, guiou com maestria e se tornou o mais jovem piloto da história a vencer uma corrida na categoria. De quebra, o tedesco deu à Toro Rosso seu maior resultado na história, fato que nunca mais esteve sequer perto de ser repetido. Se antes Vettel já pintava como um piloto de grande futuro, o fato é que Monza viu nascer em 2008 uma estrela que brilha até hoje — se bem que nas últimas provas esse brilho esteja um tanto ofuscado.

Checo escreveu uma das páginas mais especiais de sua carreira e de tua vida no domingo. Rotulado como piloto pagante quando fez sua estreia na F1, ainda no ano passado, o jovem mexicano acabou de uma vez por todas com essa balela ao se posicionar definitivamente entre os grandes da categoria. Muitos outros pilotos no grid, com carros muito superiores ao Sauber C31 e com notória capacidade de guiar no molhado — como Lewis Hamilton e o próprio Vettel —, sequer chegaram a ameaçar Pérez, que só não conseguiu superar o iluminado e santo milagreiro Alonso. Fruto de estratégia competente e de uma pilotagem bastante consistente e arrojada: talvez esse arrojo tenha contribuído para o erro cometido em um momento crucial. Mas ainda acho melhor ter na pista um piloto que não tenha medo de lutar pela vitória, assumindo os riscos necessários para isso.

Claro que não se trata de nenhuma comparação entre o mexicano e os dois campeões mundiais citados acima, mas ao mesmo tempo em que há várias variáveis entre as situações em questão, também há muita coisa em comum nos feitos históricos mencionados.

Tive a oportunidade de entrevistar Pérez no fim de semana do GP do Brasil, no ano passado. O piloto da Sauber se mostrou bastante receptivo e solícito com os jornalistas em seu redor, demonstrou bom humor e fazendo questão de elogiar a beleza da mulher brasileira. Falando sério, Checo sempre se mostrou consciente de que está em um processo crescente de aprendizagem, que se sente muito feliz na Sauber e frisou que tem ótimo relacionamento com o mítico Kamui Kobayashi. Sempre que era questionado sobre um eventual futuro na Ferrari, Sergio falava com serenidade, sem se empolgar demais com a possibilidade de representar a equipe de Maranello. Pé no chão total.

E tudo indica mesmo que, mais cedo ou mais tarde, Pérez repetirá o feito dos lendários ‘Hermanos Rodríguez’, Pedro e Ricardo, e represente a Ferrari. Ligado a Maranello pela Academia de Jovens Pilotos, Checo parece cada vez mais talhado para ser o substituto ideal de Felipe Massa, que só deve mesmo seguir na equipe italiana se muita coisa mudar em relação a este começo de temporada. Pérez é o número que a Ferrari quer calçar: piloto jovem, rápido, com grande capacidade de desenvolvimento e de trabalho em equipe. Sabe conviver com um companheiro de equipe competitivo, e muitas vezes, até conseguiu superá-lo, como tem sido na própria Sauber, com Kobayashi, ou mesmo na GP2, quando foi muito melhor que os veteranos Edoardo Mortara, em 2009, e Giedo van der Garde, no ano seguinte.

Para o bem e renovação da F1, que brilhe cada vez mais a estrela de Checo Pérez, o moço de Guadalajara.

Tags: , , , , , , , , , , , | 5 Comentários

O fim da crise de abstinência

MAURO DE BIAS [@MaurodeBias]
de Belford Roxo

O começo da temporada é uma maravilha. Matando saudades depois de três meses sem F1. É o fim da crise de abstinência. Então vamos lá… Vamos partir para a mais longa temporada de F1 da história. Quer dizer, se não estourar a revolução no Bahrein, se Valência não der o calote, se as obras de Austin não atrasarem, se as vacas belgas não resolverem fazer um piquete em Spa — vai saber.

Como vocês já devem ter lido na revista WarmUp de fevereiro — se ainda não viram, vejam –, esta é uma temporada que começa com muitos pontos de interrogação. E assim que é bom. Geralmente são essas que acabam sendo melhores. Mas é impossível prever com certeza. No final das contas, Sebastian Vettel pode acabar ganhando na Austrália e depois em 90% das outras corridas.

Eu sei que eu mal vejo a hora da temporada começar.

E, convenhamos, temporada tem que iniciar de madrugada. Coisa muito chata e sem graça é um campeonato que começa na insossa e tediosa pista de Sakhir. Tem como ser mais corta-clima? Não tem, né? A Austrália é o lugar ideal para o início do ano. E que assim seja nos próximos. E que sejam muitos.

Pena que Bernie Ecclestone queira passar o GP para a noite. Albert Park é um circuito muito bonito (até onde eu lembro, o mais bonito do calendário, disparado), merece ser mostrado durante o dia. E, bem, logo mais tem o terceiro treino livre, com o treino classificatório às 3h da manhã. E nós vamos aqui trabalhando para levar as notícias todas para vocês. Fiquem ligados no Grande Prêmio.

Ah, já viram o nosso Ao Vivo? Está muito melhor. Aproveitem.

Tags: , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Já ganhou

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Sábio é o nobre João Paulo Borgonove ao dizer que Heikki Kovalainen vai ser o sétimo piloto do atual grid da F1 a ser campeão do mundo. Se depender de seu novo capacete, ao mesmo tempo belo e bem divertido — será por ele utilizado durante o fim de semana do GP da Austrália —, o cara já ganhou o título de 2012 por antecipação. O finlandês (que bem poderia ser chamado de finlandês voador agora) assinou nesta quinta-feira (15), por meio da empresa IMG, parceria com a desenvolvedora de games Rovio, que criou o Angry Birds, fenômeno da internet. Ótima e criativa sacada dos caras.

 

 

 

2 Comentários

O duro caminho das mulheres na Europa e a alternativa norte-americana


FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

Vicky Piria

Às vésperas do Dia Internacional da Mulher, chamou a atenção duas notícias relacionadas à F1. A primeira delas: Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, acredita que haverá uma mulher no grid da F1 em no máximo uma década. Horas mais tarde, María de Villota, filha do ex-piloto Emilio de Villota, foi anunciada como a nova test-driver da Marussia para 2012.

Para que a previsão de Horner se concretize, é preciso haver uma mudança na filosofia do automobilismo europeu, base da F1. Oficialmente, apenas cinco mulheres já guiaram um carro da categoria: Maria Teresa de Filippis, Lella Lombardi — única a marcar um ponto —, Divina Galica, Desiré Wilson e Giovanna Amati, a última delas, há duas décadas.

Talvez uma década seja um espaço de tempo muito curto para uma mudança tão grande de postura e aceitação da mulher em um esporte tão fechado. A situação é muito diferente, por exemplo, nos Estados Unidos.

O número de pilotas (diga-se de passagem, a expressão ‘pilota’ é correta, por mais estranho que possa parecer) na América é crescente e atrai competidoras da Europa, sem espaço para desenvolver suas respectivas carreiras no ‘Velho Mundo’. Bia Figueiredo e Sabrina Kuronuma são exemplos de brasileiras que tentam construir a carreira em solo norte-americano.

Sem contar o sucesso de Danica Patrick e a competência exibida ao longo dos últimos anos por Lyn St. James, Sarah Fisher e Simona de Silvestro, por exemplo. Algumas não mandaram tão bem, é verdade, como Milka Duno, mas outras têm condições de mostrar talento e nada devem a muitos pilotos de lá, caso de Katherine Legge. Então dá para concluir que para uma mulher vencer no automobilismo, os Estados Unidos são o melhor caminho, e talvez, o único.

Em outra frente, María de Villota tenta quebrar essa escrita do automobilismo europeu, mais conservador. A Marussia ganhou mídia e virou notícia no mundo inteiro ao anunciar a contratação da pilota espanhola, que há tempos vem tentando um lugar na F1. Com exceção dos testes de Abu Dhabi, dificilmente María vai ter condições de ter alguma grande experiência pela equipe russa, mas isso deve ajudá-la a entender como funciona o ambiente da categoria.

María teve carreira apenas discreta por onde passou — F3 Espanhola, WTCC, F-Superliga por exemplo — e não deve ter condições de fazer muita coisa como test-driver. Talvez, caso De Villota queira mesmo se desenvolver como pilota, os Estados Unidos parecem ser o rumo mais lógico, já que dinheiro parece não faltar a ela.

Enquanto María de Villota tenta dar um passo decisivo em sua carreira como pilota, lá na base, Vicky Piria começa a trilhar seu caminho no automobilismo. Se fosse só em termos de beleza, ela já seria campeã mundial, fácil fácil. Mas comentários elogiosos à parte, é preciso de resultados e oportunidades para a construção de uma carreira sólida. Esse é o desafio de Piria, esse é o desafio das meninas que tentam o sucesso na F3 Espanhola: mostrar potencial para iniciar uma mudança de filosofia no automobilismo europeu e fazer valer a previsão de Horner.

Tags: , , , , , , , , , | 15 Comentários

Fique de olho

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva7]
de Sumaré

O novo Sauber C31, horroroso na aparência (bico de ornitorrinco e a cor cinza escura no bico), está se mostrando um carro muito eficiente na pista. Claro que testes são apenas testes e não indicam muita coisa. Mas tanto Sergio Pérez no sábado quanto Kamui Kobayashi, este, na semana passada, conseguiram grandes marcas em Barcelona. Vale lembrar que a Sauber é, com exceção das equipes do G4, a única escuderia que manteve sua dupla de pilotos, que é ótima, jovem e promissora.

A própria Sauber já andou muito bem em testes de pré-temporada no passado e, quando o jogo foi pra valer, mostrou um desempenho apenas discreto. Nesta temporada, pelo menos em teoria, o desempenho da Sauber deve se aproximar da Force India e talvez, da Toro Rosso, reeditando o grupo que lutou para ser a sexta força da F1 no ano passado.

A realidade é que somente daqui a duas semanas, no fim de semana do GP da Austrália, é que todas as perguntas serão respondidas. Mas o fato é que a impressão inicial do C31 é bastante interessante. Vale a pena ficar de olho no que ‘Checo’ e Kamui podem fazer.

E na opinião do leitor, o novo carro da Sauber é um canhão suíço ou um cavalo paraguaio?

Tags: , , , , , , | 10 Comentários

Ferrari e a formação de pilotos italianos: dois caminhos

FERNANDO SILVA [@Fernando_Silva]
de Sumaré

Riccardo Patrese expressou sua insatisfação com o atual momento do automobilismo italiano. A crise foi evidenciada pela dispensa de Jarno Trulli da Caterham para dar lugar ao apenas mediano russo Vitaly Petrov. Dessa forma, o país da ‘velha bota’ ficou sem nenhum representante na F1.

De certa forma, Patrese culpou a Ferrari pelo desenvolvimento capenga de jovens talentos italianos e alegou que a escuderia não ajuda no trabalho com a nova safra de esportistas locais. O que, de certa forma, é até verdade. Mas tudo tem dois lados.

É fato que a Ferrari jamais priorizou o trabalho com jovens italianos. Tanto que os dois principais nomes da Academia de Pilotos do time são estrangeiros: Jules Bianchi e Sergio Pérez, este, com boas chances de até ser alçado ao posto de titular de Maranello na próxima temporada se Felipe Massa não fizer um ano muito bom.

Ao longo de sua história, a italiana Ferrari sempre deu preferência a pilotos estrangeiros

Apenas para ficar na era moderna da F1, ou seja, dos anos 80 em diante, lembro que a esquadra de Maranello teve como titulares o já falecido Michele Alboreto, Ivan Capelli, anos depois, e só. Luca Badoer e Giancarlo Fisichella substituíram Felipe Massa em 2009, mas na condição de tampões. Só Alberto Ascari, lá no começo dos anos 50, foi campeão pela Ferrari na condição de representante da Itália.

Mas fazendo uma analogia com o futebol, por exemplo, a Ferrari não está errada. Muitos clubes da Europa chegam a colocar 11 titulares estrangeiros em campo. Lembro muito da Internazionale e do Arsenal, embora o time londrino, bem aos poucos, vem trabalhando mais com jogadores ingleses. Isso denota uma categoria de base fraca dessas equipes.

Ainda no futebol, o Barcelona parece ser uma das poucas exceções, talvez a única, por aliar sucesso na base, conseguir alçar os jovens à equipe principal e construir um time vitorioso. Outros, como o Real Madrid, tentam compensar a formação capenga de jogadores gastando rios de dinheiros na compra de craques consagrados, como Cristiano Ronaldo e Kaká, por exemplo.

É dessa forma que eu vejo a Ferrari nesse sentido. Não consigo ver a equipe como a vilã, como a responsável pela falta de bons e jovens pilotos italianos, longe disso. Se é um time e que se propõe a ser o melhor do mundo, nada mais natural do que contar com os melhores, independente se o piloto seja alemão, tailandês, coreano ou até mesmo italiano. Se há capital para se dar a esse luxo todo, não é pecado nenhum.

Mas o argumento de Patrese faz sentido. A Ferrari, por toda a condição financeira que dispõe, poderia criar uma equipe junior na GP3, GP2, World Series e até mesmo na F1. Os exemplos existem aos montes, como já fazem Red Bull, Caterham, Lotus e até Marussia, para atuar no desenvolvimento de novos talentos.

Creio que seria uma boa ideia para as próximas gerações, já que a fase atual é dura, bem dura: um país depender dos eternos Luca Fillipi e Davide Valsecchi não deve ser lá muito animador.

Tags: , , , , , , , | 3 Comentários