Depois dá trabalho pra gente

MAURO DE BIAS [@MaurodeBias]
de Bolonha

Com as categorias de férias, os pilotos sempre aproveitam para tirar um tempo longe dos aceleradores. Só que ao contrário.

Antes do ano novo, Mark Webber resolveu se divertir um pouco também. O australiano foi dar um passeio com seu amigo e compatriota Troy Bayliss em uma Ducati de dois lugares no circuito de Queensland. Reproduzo ali embaixo a foto postada pelo piloto da Red Bull no Twitter.

Pelo menos eles se comportaram direitinho e não movimentaram o plantão de fim de ano com nenhum “Mark Webber se acidenta de moto e vira dúvida para abertura da temporada”.

Mas devo destacar que surgiu o seguinte comentário na redação do Grande Prêmio: “A Red Bull não deixou o Vettel brincar de moto com o Bradl, mas o Webber eles deixam, né?”. É.

Tags: , , , , , ,

2 respostas para Depois dá trabalho pra gente

  1. Marcos Almeida disse:

    Como escrevi no cometário anterior, moto é sempre muito perigosa.
    Mesmo para os profissionais. Não se deve relaxar em cima de uma máquina potente, de duas rodas e que atinge velocidades impressionantes. Enfim, a velocidade faz parte da profissão, aliás, é a profissão desses “adoráveis loucos”. Que Deus os proteja! Amém!

  2. Marcelo disse:

    Que nada aconteça com Webber, mas ele pode ser substituido, já outro Vettel onde a RBR vai achar? Lembre-se que Schumacher tinha uma “quedinha” por super esportivas de duas rodas, mas só foi brincar de piloto de Moto GP, depois da aposentadoria, só que o alemão foi longe demais na duas rodas, mesmo principiante quis tirar o máximo da moto apenas para se divertir, aí ocorreram os tombos já esperados. Não vale o risco, ainda mais no caso de Schumacher que já fez sucesso no esporte, moto de competição é muito perigoso, basta ver os tombos na Moto GP, e só tem fera em cima pilotando, mesmo assim um grave acidente acabou levando Simoncelli. Que Deus o tenha em paz…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.